O País – A verdade como notícia

“Devemos celebrar a páscoa com amor, perdão e reconciliação”

Vários crentes afluíram em massa para relembrar a crucificação de Jesus Cristo e a sua morte no calvário, num dia que é designado por sexta-feira santa. A morte de Jesus Cristo simboliza para o sacrifício do filho predileto de Deus para que a humanidade seja salva dos pecados.

A paróquia de São João Bosco, no bairro do Bagamoyo, teve um convidado especial para relembrar a data, o Primeiro-Ministro, Carlos Agostinho do Rosário. Coincidentemente, Do Rosário viveu, neste bairro, e frequentou esta paróquia.

Dirigindo-se aos crentes, Do Rosário destacou o amor entre os moçambicanos como um imperativo para uma paz duradoura. “A nossa grande mensagem para os moçambicanos é de que tenham feliz Páscoa, e que cada um de nós celebre a efeméride com amor, perdão e reconciliação”.

O dirigente falou ainda do significado do perdão na garantia de um ambiente harmonioso no seio das famílias.

Para os crentes este é mais um momento de reflexão e de adoração pelos feitos de Jesus Cristo que morreu na cruz para salvá-los.

A semana santa é uma tradição religiosa que celebra a morte e ressurreição de Jesus Cristo. Ela inicia no Domingo de Ramos, que relembra a entrada triunfal de Jesus e termina com a ressurreição que ocorre no domingo de páscoa.

 

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos