O País – A verdade como notícia

Detidos indivíduos por vandalizar torres de transporte de energia em Nacala

Seis cidadãos encontram-se detidos na cidade de Nacala, acusados de serem autores da vandalização e roubo de cantoneiras e outro equipamento de transporte de corrente eléctrica pertencente à empresa eletricidade de Moçambique em Nacala. De acordo com a Polícia da República de Moçambique, os detidos foram surpreendidos quando forneciam o material a uma fábrica de fundição de ferro no município de Nacala Porto.

O roubo de cantoneiras foi denunciado por populares na semana passada. A Polícia da República de Moçambique em Nampula encetou diligências que culminaram com a detenção de seis indivíduos dos quais cinco fornecedores e um comprador.

A PRM diz não ter dúvidas que são estes os indivíduos que têm vindo a vandalizar as torres de transporte de corrente eléctrica na província de Nampula, segundo Rafael Paulino, chefe das operações da PRM a nível de Nacala

“Sobre todos eles pesa o crime de sabotagem. Sabotaram 21 torres de electricidade. Conseguimos os cinco que são os que sempre executaram sabotagens. O mandante neutralizamos no dia seguinte. Todos são autores e foram encontrados com os materiais”, afirmou.

Rafael Paulino acrescentou que para lograrem os seus intentos, os indiciados recorriam a geradores e rebarbadoras.

Para a EDM, a existência de fábricas de fundição de ferro que usam sucatas como matéria-prima constitui uma ameaça. Para além de cantoneiras, foi apreendida uma viatura que a polícia acredita que era usada para o transporte do material roubado.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos