O País – A verdade como notícia

Detidos falsos pensionistas em Chimoio

Dois indivíduos encontram-se encarcerados na primeira esquadra da PRM na cidade de Chimoio, acusados de beneficiar ilegalmente de pensão de sobrevivência de antigos combatentes nos últimos 12 meses, lesando o Estado em mais de 90 mil meticais.

Os indiciados recorreram a falsificação de documentos para mensalmente receber dinheiro do Estado de forma ilícita.

Com o esquema desbloqueado pela Polícia, e já nas celas, o suposto falsificador diz que a culpa não pode morrer solteira.

“A direcção dos Antigos Combatentes sabes disso, eu não posso fazer isso sozinho. Para a pessoa receber o dinheiro é preciso a assinatura de alguém, e eu não sou responsável de nada”, disse um dos indiciados.

Ainda em Chimoio, está detida uma professora que burlava dinheiro a vários cidadãos com promessa de emprego nas várias instituições do Estado no distrito de Manica.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos