O País – A verdade como notícia

Detidos 35 estudantes após protestos por habitação na Turquia

Foto: Notícias ao Minuto

A polícia turca deteve, hoje, 35 estudantes que tentavam manifestar-se na capital, Ancara, por falta de condições e de habitações para os estudantes viverem, um movimento conhecido como ‘Estudantes sem tecto’.

A manifestação foi convocada para o meio-dia de hoje no centro de Ancara, mas o gabinete do governador da cidade tinha anunciado que não ia dar autorização para o protesto, pelo que a polícia dispersou os manifestantes que tentavam juntar-se, fazendo várias detenções.

De acordo com o Notícias ao Minuto, os agentes da autoridade estabeleceram vários pontos de controlo nos subúrbios da capital turca, pararam vários autocarros alugados pela organização, que esperava estudantes vindos de cidades como Istambul ou Esmirna, e impediram-nos de seguir viagem, de acordo com diário turco Birgun, citado pela agência espanhola de notícias, a Efe.

Nalguns casos houve confrontos entre a polícia e os manifestantes, dos quais resultaram alguns feridos, e pelo menos 13 manifestantes de um autocarro proveniente de Esmirna foram detidos, escreveram os organizadores numa rede social.

O movimento ‘Estudantes sem tecto’, formado em Setembro, denuncia que a drástica subida dos preços das habitações os impede de encontrar uma casa a uma distância razoável das universidades, muitas vezes situadas nos centros urbanos, a que se junta a escassez de lugares nas habitações públicas para o efeito.

Nesse mês, recorda a agência Efe, vários ativistas recorreram a meios originais de protesto, como dormirem em parques públicos rodeados de livros, mas a resposta do Presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, foi que “exageraram”.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos