O País – A verdade como notícia

Detido suposto “vandalizador” de jazigos no cemitério de Lhanguene

Após ouvir reclamações sobre o roubo de bens e vandalização de jazigos nos cemitérios de Lhanguene e de São Francisco Xavier, na cidade de Maputo, o Serviço de Investigação Criminal fez-se ao terreno e diz que surpreendeu o jovem na imagem na posse de 15 quilogramas de chumbo, nesta quarta-feira

O acusado, de 24 anos de idade, residente no bairro Luís Cabral, diz que vendia o material roubado para uma sucataria.

O Serviço de Investigação Criminal disse ainda que a detenção do suspeito foi feito em coordenação com a Administração dos Cemitérios, da capital do país.

As autoridades suspeitam que mais pessoas estejam envolvidas na vandalização de sepulturas e promete mais trabalho para devolver sossego aos familiares dos defuntos que recorrentemente são despojados dos bens com quais são enterrados.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos