O País – A verdade como notícia

Detido director da Cadeia Distrital de Vilankulo

No distrito de Vilankulo em Inhambane, quatro funcionários da cadeia distrital local estão detidos desde semana passada, indiciados de corrupção. Os funcionários são suspeitas de terem recebido valores monetários em troca da liberdade de um cidadão sul-africano que cumpria pena de quatro anos de prisão por tráfico e consumo de drogas.

Trata-se de um episódio que envolve o director da cadeia distrital de Vilankulo e mais três guardas prisionais que estão detidos em prisão preventiva naquele estabelecimento penitenciário, indiciados da prática do crime corrupção.

Entretanto, o Gabinete Provincial de Combate à Corrupção, em Inhambane, diz que ainda não tem tal processo e diz que outros funcionários do estabelecimento prisional de Morrumbene estão a responder na justiça, também por corrupção.

Falando por ocasião do Dia Africano de Combate à Corrupção, o governador de Inhambane diz que não importa a magnitude, o fenómeno da corrupção deve ser travado.

Em seis meses deste ano, o Estado foi lesado em mais de 300 mil meticais devido a actos de corrupção que envolvem servidores públicos e outros entes particulares naquela província.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos