O País – A verdade como notícia

Detidas mais de 100 pessoas por se aglomerarem para consumir bebidas alcoólicas

São no total 110 pessoas detidas entre a noite de ontem e madrugada de hoje em cinco distritos municipais da capital do país, Cidade de Maputo, entre adolescentes e adultos.

Em causa está o facto de, segundo a Polícia, terem se aglomerado na via pública e em barracas para o consumo de bebidas alcoólicas, numa altura em que o decreto sobre o Estado de Emergência proíbe que tal acontece, para evitar a propagação da COVID-19.

À nossa chegada na 18ª Esquadra da Polícia, onde estão detidos 40 dos 110 indiciados do crime de desobediência, era possível ver variedades de bebidas alcoólicas espalhadas ao chão, que a corporação diz as ter apreendido juntos com os acusados.

Os detidos, quase todos negam ter violado a lei.
Sobre casos anteriores em que a Polícia não fazia detenções aos desobedientes, Leonel Muchina explica que a Corporação vinha pautando pela sensibilização aos que não mostravam resistência, mas agora, há que colocar mão dura.

Entre os detidos desta sexta-feira e sábado, estão 52 residentes de Kamubukwana, 40 de Chamanculo, 14 de Maxaquene, três de Kamavota e um do distrito municipal Kampfumu, totalizando 110 pessoas.

A Polícia garante estar a evitar ambientes que propiciem a propagação da COVID-19 nas celas.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos