O País – A verdade como notícia

Despiste de viatura faz dez feridos na Cidade de Maputo

Dez pessoas contraíram ferimentos entre graves e ligeiros, em consequência de um acidente de viação do tipo atropelamento que ocorreu, ontem, na zona da Praça dos Combatentes, periferia da Cidade de Maputo. Segundo testemunhas, tudo aconteceu por volta das 17h00, quando um automobilista de uma viatura do tipo mini bus – que vinha no sentido Baixa-Praça dos Combatentes – perdeu o controlo do veículo e galgou o passeio, tendo atropelado vendedeiras e pedestres que se encontravam no local. À chegada da nossa equipa, eram visíveis marcas de sangue, produtos frescos (como bananas e tangerinas) esmagados durante a ocorrência. Uma testemunha, que preferiu o anonimato, disse que tudo foi rápido. “Só ouvi o barulho quando o carro embateu contra o passeio e depois vieram os gritos das pessoas que foram atingidas. Quando me aproximei, vi três pessoas gravemente feridas nas pernas – acho que não voltarão a andar – e não tive coragem de me aproximar. Foi um choque para mim, porque estava próximo e também poderia ter sido colhida pela viatura”, contou uma vendedeira.

No Hospital Geral de Mavalane, para onde foram encaminhados os feridos, encontramos alguns pacientes a serem atendidos pelo pessoal de saúde. Laurinda Matusse era uma delas. “Estava sentada quando vi o carro a vir em minha direcção em alta velocidade. Procurei correr para me proteger, mas foi tarde, porque fui atingida. Apercebi-me que não fui a única ferida, porque notei outros feridos, sendo que duas estavam em estado grave”, contou a vendedeira que ainda contorcia-se de dor na perna direita e na zona da bacia.

Já José Cossa, segurança de profissão, disse que estava a caminhar para o serviço quando foi atingido pelo semi-colectivo. “Não me apercebi, ao certo, o que aconteceu. Quando dei por mim, estava no chão. Foi assustador, mas felizmente não fui atingido com gravidade. Tive algumas escoriações nos braços e nas pernas”, disse

As autoridades de saúde disseram que dos dez pacientes que deram entrada no Hospital Geral de Mavalane três foram transferidos para Hospital Central de Maputo devido a complexidade dos ferimentos, sendo que os restantes foram assistidos naquela unidade sanitária e em seguida tiveram alta hospitalar.

De salientar que apesar do acidente, os outros vendedores informais não abandonaram o passeio, sendo que continuaram a desenvolver normalmente a sua actividade. Entretanto, esta situação reabre a discussão sobre a justeza da decisão de algumas edilidades em tirar os ambulantes ao longo das vias públicas.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos