O País – A verdade como notícia

David Card, Joshua Angrist e Guido Imbens laureados Nobel da Economia 2021

Foto: O Pais

O prémio Nobel da Economia 2021 foi atribuído aos economistas David Card e a duplaJoshua Angrist eGuido Imbens, pelobanco central da Suécia e a Academia Real Sueca das Ciências. O prémio deverá ser repartido, primeiro, para David Card e, posteriormente, entre a dupla.

De acordo com o “Observador”, David Card foi laureado “pelas suas contribuições empíricas para a economia do trabalho”, ao passo que Angrist e Imbens receberam o prémio “pelas suas contribuições metodológicas para a análise de relações causais”.

Os três economistas condecorados são de universidades norte-americanas. David Card é investigador da Universidade de Berkeley, Joshua Angrist é do Massachusetts Institute of Technology (MIT) e Guido Imbens integra a Universidade de Stanford.

“Como é que a imigração afecta os salários e os níveis de emprego? Como é que a formação académica mais longa afecta o rendimento futuro de alguém”. Estas são algumas perguntas a que a ciência económica tenta responder, porém são casos em que é impossível formar grupos de amostra e de controlo.

“Os laureados deste ano mostram que é possível responder a estas questões e outras, usando experiências naturais“, explica a Academia Real Sueca das Ciências. “A chave está em recorrer a situações em que os eventos casuísticos ou alterações de política podem resultar em que grupos de pessoas sejam tratados de maneira diferente, de uma forma que se assemelha aos ensaios clínicos feitos na Medicina”, acrescenta a instituição.

No ano passado, o Nobel da Economia foi entregue aos norte-americanos Paul Milgrom e Robert Wilson, pelo seu estudo na teoria dos leilões.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos