O País – A verdade como notícia

Crimes violentos aumentam em Sofala

Criminalidade e sinistralidades baixaram em Sofala nos últimos nove  meses, contudo a polícia mostra-se bastante preocupada com os crimes registados no período em alusão dada a sua magnitude e violência, de acordo com Alfredo  Mussa, Comandante Provincial da PRM em Sofala.

Mussa, que falava durante o XII conselho provincial da sua corporação ao nível da província de Sofala, que decorreu hoje na cidade da Beira,  anunciou que de Janeiro a Setembro deste ano os índices de criminalidade  reduziram e apontou como destaque  o facto de terem sido registados este ano no período em alusão 44 homicídios  e nove linchamentos contra 87 homicídios e  18 linchamentos no ano passado.

A sinistralidade rodoviária conheceu igualmente uma redução em 25 casos neste ano e mataram  133 pessoas contra 172 óbitos no ano passado. “Apesar desta redução não estamos satisfeitos pois alguns casos  que ocorreram este ano foram bastante violentos e tiveram consequências nefastas, daí a nossa maior preocupação e esperamos nesta reunião encontrar caminhos para melhorarmos o nosso empenho, começando por combater o crime no nosso seio e por conseguinte os acidentes de viação que provavelmente seja causados pela nossa inoperância. Queremos purificar a nossas fileiras com acções contundentes contra a corrupção e actos de indisciplina”.

A governadora de Sofala, que procedeu à abertura desta reunião, pediu a polícia para redobrar esforços no sentido de consolidar os resultados alcançados nos últimos meses e prevenir crimes, “tais como alguns que ocorreram nas últimas semanas no país, como são os casos de assaltos a unidades policiais em Cabo-delgado e boatos sobre alegados fenómenos de chupa-sangue, na Zambézia”.     

A reunião  que terminou  ainda hoje  e que visava  fazer o   balanço das actividades da corporação  tinha  como lema  PRM na vanguarda da luta contra a criminalidade pela harmonia e convivência social.

 

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos