O País – A verdade como notícia

COVID-19: África pode perder 20 milhões de empregos

Com a chegada da pandemia COVID-19, o futuro económico de África ficou ainda mais sombrio. De acordo com um estudo da União Africana, citado pela Reuters, este ano, os países africanos poderão ver as suas economias seriamente prejudicadas, resultando na perda de 20 milhões de emprego tanto no sector formal como informal.

Ademais, os governos africanos estão em risco de perder entre 20 e 30% de receitas fiscais que no ano passado foram estimadas em 500 biliões de dólares. Pelo menos 15% do investimento directo estrangeiro poderá desaparecer.

Já as exportações e importações poderão reduzir em cerca de 35% relactivamente aos níveis de 2019, havendo uma perda de valores comerciais de cerca de 270 biliões de dólares.

Os países a ser mais atingidos são Angola e Nigéria, os maiores exportadores de petróleo da África subsaariana que poderão perder 65 biliões de dólares cada, devido à contínua queda do preço do combustível.

Já os sectores do turismo e do transporte, sobretudo em países turísticos como Cabo Verde, Maurícias, Seychelles e Gâmbia, poderão registar uma perda de 50 biliões de dólares devido à pandemia COVID-19 que já infectou mais de um milhão de pessoas a nível mundial.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos