O País – A verdade como notícia

COVID-19 retrai entrada de turistas em 53 por cento no país

Cerca de 958 mil turistas entraram no país durante o ano passado, uma redução em 53 por cento, quando comparado com o ano de 2019, em que se registaram cerca de 2 milhões de visitantes. Em causa, estão os efeitos da pandemia da COVID-19, relacionados com as medidas restritivas.

Segundo Cândido Langa, director Nacional de Turismo, apesar de o país estar a registar relaxamento gradual das medidas de restrição contra a COVID-19, a melhoria, neste sector também severamente afectada pela pandemia, é ainda prematura.

“O sector de turismo revê-se nas medidas adoptadas pelo Governo. Ele, por si só, o seu decurso normal é de quebrar qualquer tipo de protocolo. Então, é fundamental conjugar esses dois aspectos”.

Sobre o cenário turístico nos próximos meses, Cândido Langa disse que poderá ter uma nova roupagem, mas isso depende da melhoria da situação sanitária vigente.

A pandemia da COVID-19 provocou uma queda em 70 por cento de receitas em todo o mundo.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos