O País – A verdade como notícia

COVID-19 não freia e volta a matar mais 25 moçambicanos

O novo Coronavírus matou mais 25 cidadãos moçambicanos. As mortes ocorreram em cidadãos cujas idades variam entre 22 e 92 anos, sendo 17 homens e oito mulheres.

Os óbitos em referência foram declarados nos dias 23, 24 e 25 de Julho. Neste momento, Moçambique tem um total de 1.282 mortes devido à COVID-19.

Segundo dados avançados pelo Ministério da Saúde (MISAU), mais 1.528 indivíduos testaram positivo para a COVID-19. “Dos novos casos hoje reportados, 1.509 são de nacionalidade moçambicana e 19 são estrangeiros; 837 do sexo feminino e 691”, explica o comunicado do MISAU.

Os novos casos anunciados resultam de transmissão local. A capital do país agregou o maior número de casos, com 632 infecções, seguida pela província de Inhambane com 383 casos.

Com os novos registos, Moçambique tem um cumulativo de 110.288 casos positivos, dos quais 109.919  são de transmissão local e 369 são importados.

As autoridades da Saúde anunciaram, ainda, que mais 151 cidadãos venceram a luta contra o vírus pandémico, o que eleva o número total de recuperados para 82.767.

“Dos casos recuperados hoje notificados, 144 são indivíduos de nacionalidade moçambicana e sete são estrangeiros”, detalhou o MISAU acrescentando que o país tem um total de 26.236 casos activos da COVID-19.

Há, também, registo de mais 48 novos internamentos e 53 altas hospitalares. Assim, Moçambique tem um cumulativo de 5.373 pacientes internados, dos quais 475 ainda recebem tratamento nas unidades hospitalares.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos