O País – A verdade como notícia

COVID-19: Mais um óbito e 27 casos positivos em Moçambique

Subiu de 13 para 14, nas últimas 24 horas, o número de mortes devido a pandemia da COVID-19 em Moçambique, anunciou esta tarde, Maria Benigna Matsinhe, Diretora Nacional Adjunta da Saúde no país.

O óbito, hoje, reportado ocorreu na província de Nampula. Trata-se de um indivíduo de 45 anos de idade, do sexo masculino e de nacionalidade indiana. O mesmo deu entrada no Hospital Central de Nampula no dia 30 de Julho com um quadro grave.

“Foi colhida a amostra para COVID-19 e esteve internado no Centro de Isolamento da COVID-19 durante três (3) dias, período durante o qual evoluiu com agravamento do quadro clínico. Na madrugada de hoje, 3/08/2020, foi declarado óbito”, informou a Diretora Nacional Adjunta da Saúde.

Em relação ao número de pessoas infectadas, Benigna Matsinhe anunciou que o país registou mais 27 casos positivos, nas últimas 24 horas, elevando o número para 1.973.

“Até hoje, 3 de Agosto de 2020, em Moçambique foram testados cumulativamente 60.473 casos suspeitos, dos quais 831 nas últimas 24 horas. Destas, 455 amostras foram testadas em laboratórios do sector público e 376 amostras foram testadas em laboratórios do sector privado”.

Dos novos casos suspeitos testados, 804 foram negativos e 27 foram positivos para COVID-19. Todos os 27 casos novos são de transmissão local.

Assim, o nosso País tem cumulativamente 1.973 casos positivos registados, dos quais 1.798 de transmissão local e 175 casos importados”, referenciou a Benigna Matsinhe.

Das amostras testadas nas últimas 24h em laboratórios do sector público, 127 proveêm da Província de Cabo-Delgado, 13 da Província da Zambézia, 18 da Província de Tete, 2 da Província de Manica, 36 da Província de Sofala, 19 da Província de Gaza, 112 da Província de Maputo e 128 da Cidade de Maputo.

Das amostras testadas em laboratórios do sector privado, 256 proveêm da Província de Cabo-Delgado e 120 da Cidade de Maputo.

Dos vinte e sete (27) casos hoje reportados, vinte e cinco (25) são indivíduos de nacionalidade moçambicana e dois (2) estrangeiros, de nacionalidade portuguesa. Destes, treze (13) resultam da vigilância nas unidades sanitárias, cinco (5) resultam de vigilância activa e nove (9) resultam do rastreio de contactos de casos positivos.

Segundo a Diretora Nacional Adjunta da Saúde no país, houve registo de mais 22 casos totalmente recuperados da COVID-19, totalizando 676 pessoas livres da doença.

Dos 22 casos recuperados, seis na província de Cabo Delgado, cinco na Província do Niassa, dois na Província de Nampula, três na Província da Zambézia, um (na Província de Tete e cinco na Cidade de Maputo. Todos os recuperados são cidadãos de nacionalidade moçambicana.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos