O País – A verdade como notícia

COVID-19 infecta segunda pessoa numa empresa subcontratada pela DNIC

Mais uma pessoa afecta a uma empresa que presta serviços à Direcção Nacional de Identificação Civil (DNIC), na cidade de Maputo, testou positivo para a COVID-19, na última sexta-feira.

Trata-se de um homem com idade entre 30 e 40 anos. Sobre o facto, o porta-voz da DNIC, Alberto Sumbana, clarificou que o paciente trabalha numa empresa contratada, que presta serviços de manutenção do equipamento de produção de bilhetes de identidade.

O técnico em alusão encontra-se em tratamento e os seus colegas em quarentena domiciliária. Esta quarta-feira serão submetidos aos testes da COVID-19.

A fábrica encontra-se temporariamente encerrada para efeitos de desinfecção, mas Alberto Sumbana assegurou que a mesma será reaberta esta quarta-feira.

“Queremos apelar à calma. O encerramento da fábrica não vai pôr em causa a produção de bilhetes de identidade, porque nesta fase inicial [após paralisação forçada pela pandemia do novo Coronavírus] temos recebido cinco mil pedidos por dia e a nossa capacidade de produção é de 15 mil”, explicou o porta-voz da DNIC.

É o segundo paciente com COVID-19 que as autoridades de saúde descobrem na instituição que presta serviços de manutenção do equipamento de produção de bilhetes. O primeiro foi na cidade da Matola.

Num outro desenvolvimento, Alberto Sumbana referiu que na semana finda houve 14.698 pedidos de emissão de bilhetes de identidade. Dos anteriores pedidos, 12.617 bilhetes foram levantados pelos proprietários.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos