O País – A verdade como notícia

COVID-19 em Angola: infecções disparam 20 vezes mais em 30 dias

As infecções por COVID-19 em Angola dispararam 20 vezes mais nos últimos trinta dias, com uma média diária de 1,4 óbitos, numa altura em que 12 por cento da população está totalmente vacinada.

Até meados do mês passado, a pandemia da COVID-19 parecia estar controlada em Angola, ficando abaixo dos 30 casos por dia, de acordo com dados estatísticos da Universidade Johns Hopkins.

A 2 de Dezembro de 2021, por exemplo, foram identificados 25 casos positivos em 2.313 testes PCR, apontando para uma taxa de positividade de um por cento, num dia sem registo de óbitos.

No entanto, trinta dias depois, o cenário era completamente diferente. A 2 de Janeiro de 2022, com um número semelhante de testes foram diagnosticados 522 casos, o que significa que 37 em cada 100 pessoas testaram positivo, ou seja, 20 vezes mais.

Angola debate-se com a quarta vaga da doença e as autoridades de saúde confirmaram, na semana passada, a circulação da variante Ómicron, altamente contagiosa, o que estará na origem do aumento do número de infectados, obrigando o país a adoptar medidas mais restritivas.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos