O País – A verdade como notícia

Costa do Sol vs Ferroviário “A” em duelo de campeões

Foto: O País

Costa do Sol e Ferroviário de Maputo “A” protagonizam, sexta-feira, às 18h30, no pavilhão da Universidade Eduardo Mondlane (UEM), o jogo de cartaz da 2ª jornada do Torneio de Abertura de basquetebol em seniores femininos.

Jogo de início de época, mas sempre susceptível a fortes emoções. Não fossem os intervenientes campeão e vice-campeão nacionais, duas formações que bipolarizam, há seis anos, o basquetebol sénior feminino no país.

Representantes do país na Taça dos Clubes Campeões Africanos de Basquetebol, agendada para Dezembro, o Costa do Sol e o Ferroviário de Maputo “A” carregam consigo o peso de serem a espinha dorsal da selecção nacional.

Ainda em fase de procura de automatismos e melhor condição física, “canarinhas” e “locomotivas” batem-se no duelo entre duas equipas ambiciosas que apontam sempre para a conquista de todas as provas em que participam.

Na estreia, sexta-feira passada, o Ferroviário de Maputo “A” não teve dificuldades para vencer o seu satélite “B” por 85-32.

O Costa do Sol, esse, perdeu na secretaria. Ou seja, averbou uma falta de comparência no duelo com a A Politécnica pelo facto de ter utilizado irregularmente as atletas Ineide Chelene e Páscoa Matola. “É averbada falta de comparência à formação do Clube de Desportos do Costa do Sol em seniores femininos, dando vitória à formação do Clube A Politécnica.

De acordo com o artigo 710 do Regulamento da ABCM, “o jogador para disputar jogos oficiais ou particulares precisa de estar munido da respectiva carteira-licença e apenas poderá representar o clube nela indicado, pelo qual se encontra qualificado, salvo o caso previsto no artigo 44o deste regulamento. Admite-se, no entanto, que, em jogos, um clube autorize a alinhar por outro clube os jogadores que estão por si qualificados”, lê-se na nota da ABCM.

No capítulo desportivo e fora do plano de disciplina da Associação de Basquetebol da Cidade de Maputo, a 2ª jornada do Torneio de Abertura começa a ser disputada sexta-feira. No pavilhão do Maxaquene, às 17h45, a equipa da casa mede forças com a Lazio em seniores femininos, em jogo também inserido na 2ª jornada da competição.

A Lazio perdeu na 1ª jornada diante do Desportivo Maputo, por 45-32, enquanto o Maxaquene ficou de fora devido ao número ímpar de equipas.

No sábado, no campo do Ferroviário, a equipa secundária “locomotiva” – Ferroviário B – joga com o Desportivo Maputo.

 

 SENIORES MASCULINOS ENTRAM EM CENA

Arranca, sexta-feira, o Torneio de Abertura de Basquetebol em seniores masculinos com a disputa de duas partidas. O Maxaquene “B” recebe, às 19h45, o Ferroviário de Maputo “B”, enquanto a A Politécnica terá pela frente, no seu pavilhão, o conjunto de Bravos do Norte. Estes jogos estão inseridos na 1ª jornada do grupo “A” desta prova que vai movimentar dez formações divididas em dois grupos.

Os escalões de formação também vão evoluir sábado e domingo, com a realização de partidas referentes à 3ª e 4ª jornadas do Torneio de Abertura em iniciados, juvenis e juniores em ambos os sexos.

Quadro de jogos:

Sexta-Feira:

Pavilhão do Maxaquene 

17h45

Maxaquene vs Lazio/seniores femininos

19h45

Maxaquene B vs Ferroviário A/seniores masculinos

 

Pavilhão da A Politécnica  

18h30

A Politécnica vs Bravos do Norte/ seniores masculinos

 

Pavilhão da UEM  

18h30

Costa do Sol vs Ferroviário A /seniores femininos

 

Campo do Ferroviário

Sábado:

13h00

Lazio vs Desportivo /juvenis femininos

14h30

Bela Rosa vs Ferroviário/juvenis femininos

16h00

Ferroviário B vs Desportivo /seniores femininos

 

 Pavilhão do Desportivo (Anexo)

13h00

Ferroviário A vs Desportivo/ Iniciados femininos

14h30

Maxaquene vs Ferroviário B/Iniciados femininos

16h00

Ferroviário A vs Costa do Sol / Iniciados masculinos

 

Domingo:

 

Campo do Ferroviário

8h00

Ferroviário B vs Lazio/juniores  femininos

9h30

Bela Rosa vs Ferroviário A /juniores femininos

11h00

Ferroviário vs Lazio/juniores masculinos

 

Pavilhão do Desportivo (Anexo) 

8h00

Ferroviário B vs Costa do Sol /iniciados masculinos

9h30

Maxaquene vs Bela Rosa /iniciados femininos

 

SELECÇÃO SÉNIOR MASCULINA DE BASQUETEBOL SEGUE HOJE PARA ANGOLA

A selecção nacional de basquetebol sénior masculino deixa, esta quinta-feira, Maputo com destino a Angola, onde, entre os dias 17 e 19 de Junho, vai disputar o Torneio Internacional de Benguela.

O conjunto orientado por “coach” Miguel Guambe parte para esta competição com o objectivo de rodar atletas, tendo em conta os compromissos no Afrocan, prova reservada aos jogadores que evoluem nos campeonatos internos e que qualifica para o próximo “Afrobasket”.

Ismael “Timo” Nurmamade Elves “Stam” Honwana são os grandes ausentes na selecção nacional de basquetebol, alegadamente por motivos académicos e lesão, respectivamente.

Os campeões nacionais pelo Ferroviário da Beira justificaram a ausência à Federação Moçambicana de Basquetebol (FMB).

Moçambique estreia-se, sexta-feira, às 18h00, diante de Cabo Verde, numa partida a realizar-se no pavilhão Acácias Rubras.

Os cabo-verdianos foram os primeiros a chegar ao palco da competição, sendo que o seleccionador deste país, Emanuel Trovoada, diz que a prova é de todo importante para os conjuntos que vão dar corpo a si.

Em entrevista à Rádio 5 de Angola, Emanuel Trovoada frisou que a competição “servirá de antecâmara preparatória da sua selecção que, mesmo desfalcada, quer estar em grande na janela de Kigali, no Ruanda”.

Ainda a contar para a 1ª jornada do Torneio Internacional de Benguela, as  selecções principais e de sub-23 de Angola defrontam-se às 16h00.

Os angolanos preparam-se para a segunda janela de apuramento ao Mundial de basquetebol de 2023, prova a realizar-se de  27 de Junho a 5 de Julho próximo, na Costa do Marfim.

O Campeonato do Mundo de Basquetebol realiza-se em três países, nomeadamente Japão, Filipinas e Indonésia.

Entretanto, o chefe de departamento do Gabinete Provincial dos Desportos de Benguela, João Gabriel, assegurou à agência “Angop” estarem criadas todas as condições logísticas para que a prova decorra sem sobressaltos.

O responsável referiu que “a polícia, a rede hoteleira e os meios de transporte para as selecções de Angola, A e Sub-23, Cabo Verde e Moçambique estão em prontidão”.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos