O País – A verdade como notícia

Conservatório de música promove curso de Introdução à Direcção de Orquestra

O curso de Introdução à Direcção de Orquestra será orientado pelo maestro Cesário Costa. A fim de participarem na iniciativa do Conservatório de Música e Artes do Centro, em parceria com o Camões – Centro Cultural Português em Maputo, os interessados deverão candidatar-se até 28 deste mês.

Com o curso, segundo a nota de imprensa do Camões, o objectivo é assegurar a aquisição das noções básicas para o desenvolvimento da direcção de orquestra, por exemplo, técnicas de direcção, repertório, análise de partituras, técnicas de ensaio, espírito criativo e consciência crítica, durante 20 horas, entre Março e Abril .

Ainda de acordo com a nota do Camões, as datas e os horários serão combinados entre o maestro Cesário Costa e os participantes, e a plataforma a utilizar durante o curso é Zoom.

Para que os interessados sejam admitidos, devem reunir alguns requisitos, como formação comprovada na área da música. De igual modo, requerem-se noções de harmonia, conhecimentos de análise musical e de história da música.

No fim das candidaturas, serão seleccionados quatro candidatos, que deverão se beneficiar de uma bolsa de 175 euros (mais ou menos 15 mil meticais), concedida pelo Camões – Centro Cultural Português em Maputo. A candidatura é feita através de um link, disponibilizado pelo Camões.

Entre os seus conterrâneos, o português Cesário Costa é um dos mais activos maestros da sua geração. Recentemente, lê-se na nota do Camões, obteve o Doutoramento pela Universidade Nova de Lisboa, com a tese “Noble et Sentimental: Pedro de Freitas Branco e a problemática da interpretação na música de Maurice Ravel”. Em 1997 venceu o III Concurso Internacional Fundação Oriente para Jovens Chefes de Orquestra e, desde então, foi convidado para dirigir inúmeras formações. O seu reportório estende-se do barroco ao contemporâneo, incluindo mais de 130 obras em estreia absoluta. Para além da direcção de orquestras, tem exercido funções de docência e de programação musical em várias instituições. Foi Presidente da Metropolitana/Associação Música, Educação e Cultura, instituição que gere a Orquestra Metropolitana de Lisboa (da qual foi também Director Artístico). Também foi Director Artístico e Maestro Titular da Orquestra do Algarve, entre outras.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos