O País – A verdade como notícia

Começou ontem fornecimento condicionado de energia eléctrica na cidade da Beira

Iniciou na noite desta sexta-feira o fornecimento condicionado da corrente eléctrica da rede nacional na cidade da Beira, nove dias depois do mesmo ter sido interrompido após a passagem do ciclone Idai.

A Beira continua a erguer-se aos poucos dos danos causados pelo ciclone Idai. Na noite desta sexta-feira a empresa electricidade de Moçambique começou a distribuir energia da rede nacional, facto que não acontecia há nove dias,  na sequência da destruição de vários postos de transporte de energia e de Postos de Transformação em todos os bairros de Chiveve, incluindo danos na subestação da Munhava, após a passagem do ciclone Idai.  

A prioridade foi o Hospital central da Beira, que desde a passada quinta-feira socorria-se de um grupo de geradores, gastando assim cerca de 93 mil meticais por dia para compra de perto de mil e quatrocentos litros de diesel.

O Ministro dos Recursos Minerais e energia, Max Tonela, que tem estado a monitorar de perto as actividades dos técnicos da EDM com vista a repor a energia na cidade da Beira, pediu calma aos beirenses pois a reposição de energia em toda cidade está dependente de um aturado trabalho por parte da EDM com vista a garantir que não haja mais danos.

Para além do Hospital Central os moradores dos prédios grelha, mexicana e Emose e o Porto da Beira, já beneficiam de corrente eléctrica da rede nacional.  

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos