O País – A verdade como notícia

Clubes do Moçambola terão apoio da FMF através de fundos da FIFA

A Federação Internacional de Futebol, FIFA, tem vindo a desembolsar fundos às suas associações membros, no âmbito das medidas de mitigação e prevenção da COVID-19 no futebol. Os valores desembolsados devem servir para ajudar as federações nacionais a minimizar as dificuldades financeiras porque passam, numa altura em que as provas de futebol estão paradas devido a pandemia do novo coronavírus.

E é no seguimento dessa mitigação e no âmbito de dar destino aos fundos que a Federação Moçambicana de Futebol vai canalizar os valores às associações provinciais de futebol, ligas que gerem os campeonatos nacionais de futebol e clubes que vão disputar os campeonatos nacionais de futebol, nomeadamente o Moçambola e a segunda divisão.

De acordo com Feizal Sidat, presidente da Federação Moçambicana de Futebol, em entrevista ao jornal electrónico Olho Clinico, garantiu que os clubes que vão disputar o Moçambola 2020 e os Campeonatos Provinciais e agremiações de futebol.

Temos de primeiro estabelecer os critérios para a canalização do dinheiro aos clubes do Moçambola e dos Campeonatos Provinciais, às Associações Provinciais e outras associações com o Sindicato dos Jogadores e a Associação de Treinadores. Será depois disponibilizado um formulário a ser preenchido por todos estes beneficiários”, explicou Feizal Sidat.

Para o presidente da Federação Moçambicana de Futebol, falando para Olho Clínico,  os 14 clubes do Moçambola são uma prioridade, tendo em conta que serão os primeiros a iniciar a actividade futebolística no país, no pós-pandemia, devendo seguir-se os emblemas que militam nos Campeonatos Provinciais, as onze Associações Provinciais de Futebol e as Associações Profissionais do Futebol, desde que estejam legalizadas, dentre elas o Sindicato Nacional de Jogadores de Futebol e da Associação Nacional de Treinadores de Futebol.

“É neste sentido que estamos a trabalhar a nível da federação, desde há semanas”, garantiu Feizal Sidat.

Para que os clubes, associações e agremiações possam se beneficiar desses fundos, avaliados em quase 1.5 milhão de dólares, a Federação Moçambicana de Futebol está na fase de elaboração de um regulamento interno, usando como documento orientador o Plano de Assistência FIFA COVID-19, sendo que os beneficiários deverão cumprir o que estiver preceituado nesse regulamento, ou seja, através do formulário a ser preenchido, os clubes e as associações deverão minuciosamente informar que despesas têm por pagar através dos fundos desembolsados pela FMF.

Feizal Sidat, ainda ao Olho Clinico, recordou os pressupostos dos valores que são desembolsados pela FIFA às associações membros. “Os clubes e as associações devem ter sempre em conta que o valor é para reduzir as perdas e/ou cobrir as necessidades causadas pela pandemia do novo coronavírus”, lembrou.

O presidente da Federação Moçambicana de Futebol alertou ainda aos beneficiários, nomeadamente os clubes e as associações, para serem exemplares e transparentes na aplicação dos valores que vão receber, no sentido de direcionar a questões para as quais terão pedido e preenchido no formulário, tendo em conta que no final das contas serão auditados. “Ou seja, depois de preencherem o formulário e beneficiarem dos valores, os clubes e as associações devem enviar-nos um relatório detalhado sobre a sua aplicação, permitindo, igualmente, que a mesma seja auditada”, explicou Sidat ao jornal electrónico citado.

Aliás, Sidat diz que a cultura de prestação de contas deverá ser transversal por todos os beneficiários, até porque a FIFA assim o exige. Entretanto, o titular da Casa do Futebol não adiantou os valores a serem alocados aos beneficiários, prometendo facultar a informação na próxima semana.

Neste momento, o presidente da FMF efectua uma visita de trabalho a província de Inhambane, na delegação do Secretário de Estado do Desporto, Gilberto Mendes, devendo visitar os clubes daquela província e reunir-se com os dirigentes locais.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos