O País – A verdade como notícia

Clinicare pode ter mentido ao diagnosticar Ângela Leão

Foto: O País

A Clinicare pode ter mentido ao diagnosticar a ré Ângela Leão com traumatismo craniano grave. O exame realizado pelo Hospital Geral de Mavalane revelou que, afinal, nada de errado se passa com a cabeça de Ângela Leão. Ainda relacionado com a ré, a sua advogada tentou anular as declarações de Imaran Issa sobre Ângela Leão, alegadamente porque a ré não estava presente.

Tudo começou quando Ângela Leão queixou-se de não estar bem e até chegou a passar mal. Foi feito um exame na Clinicare, o qual trouxe como resultado que a ré tinha traumatismo craniano. O Serviço penitenciário, por alguma razão não acreditou nas palavras da ré e pediu um exame numa unidade pública. E assim foi.

De acordo com o juiz, citando documentos do Hospital Geral de Mavalane, Ângela Leão não tem nenhum problema com craniano, como está referido no documento da Clinicare, que concluiu que a ré tinha um traumatismo craniano complexo ou grave.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos