O País – A verdade como notícia

Cimentos de Moçambique encerra fábrica na Matola devido à baixa procura

A empresa Cimentos de Moçambique soma prejuízos avultados nas suas unidades de produção no país. O Conselho de Administração da firma associa a situação negativa com a baixa procura deste produto no mercado.

Há anos que a indústria cimenteira em Moçambique opera abaixo da sua capacidade instalada de produção que está na ordem de 4.7 milhões de toneladas por ano. Apenas metade desta capacidade das unidades produtivas está operacional.

Este cenário, segundo Edney Viera, Director-geral da Cimentos de Moçambique,

só agrava os prejuízos financeiros da empresa, que teve que encerrar uma unidade de produção de cimento na Matola, que custou cerca de 25 milhões de dólares.

Mesmo com a conjuntura desfavorável, o director-geral da Cimentos de Moçambique, espera melhorias dos indicadores económicos que possam favorecer a indústria.

 

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos