O País – A verdade como notícia

Casos de corrupção sobem de 68 para 86 nas instituições do Estado

A província da Zambézia regista aumento de casos de corrupção. Em 2017 o Ministério registou 68 casos e tramitou 35 processos de corrupção e conexo. Já em 2018 os números subiram para 86 e submetidos ao Tribunal 47 processos. O porta-voz da Procuradoria Provincial da Zambézia, Domingos Julai, fez saber que este ano do balanço comparativo já foram registados 18 processos de corrupção na função pública.
 
No contexto de combate a corrupção o porta-voz do ministério público na Zambézia fez saber que realizou várias actividades nas componentes preventivas e repreensiva. "Na componente repreensiva o ministério público desencadeou actividades processuais em casos concretos onde foram tramitados durante o presente ano 86 processos dos quais 47 foram findos o que constitui uma realização de 55%" disse o procurador adiantando que "aquela fasquia supera a actividade realizada em 2017, o que revela uma subida este ano na ordem de 18 processos sobre o crime de corrupção e conexo".
 
Disse igualmente que corrupção é um mal que está a preocupar o Ministério Público ao nível da província da Zambézia, neste âmbito foram criados núcleos de combate a corrupção com as instituições públicas com destaque as mais problemáticas nesta componente.

"Foram criados núcleos de combate a corrupção nas escolas de Quelimane e depois seguiremos para todos os distritos. Estamos a formar funcionários públicos que vão ministrar nas suas instituições o debate sobre o combate à corrupção".

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos