O País – A verdade como notícia

Casal celebra 60 anos de casamento

Uma história pouco comum … de um casal que, apesar das adversidades, celebra agora bodas de diamante, isto é, 60 anos de casados. Alice e Frederico, de 79 e 90 anos, respectivamente, têm nove filhos e 19 netos.

Tratava-se da renovação de um compromisso. O culminar de 60 anos de cumplicidade, 60 anos de companheirismo, 60 anos repletos de derrotas e conquistas, enfim 60 anos de casados! Esta é a história de Alice Dimas de 79 anos e Frederico Dimas de 90. E porque foi na igreja onde tudo começou, foi na mesma onde o casal voltou para celebrar as bodas de diamante, junto de filhos, netos e amigos.

Perante centenas de pessoas, Alice recordou que o seu casamento foi à moda antiga. “No nosso tempo nós não namoramos. Os familiares é que escolhiam as mulheres para os homens. Eu morava com os meus avós, então a mãe do meu marido Frederico Dimas gostou do meu comportamento e veio falar com os meus avós. Eles disseram que não poderiam decidir nada e que tinham que falar com os meus pais. Eles falaram sem que eu soubesse de nada e nessa altura o meu marido estava a trabalhar na África do Sul. Quando ele voltou eu aceitei juntar-me a ele”, recordou para depois de definir o conceito não distorcido do que é um casamento.

“Quando estamos doentes cuidamos um do outro. Mas os casais de agora, casam-se e sem muito tempo passar um abandona o outro. Às vezes fazem isso sem que a cerimónia do casamento tenha terminado”, lamentou.

Frederico era um homem feliz e enquanto falava, revelava muito respeito por sua parceira. Porque estava a descrever o seu passado, algumas datas e recordações escapavam à memória daquele homem. É certo que com o tempo as palavras e as memórias escasseiam, mas aquele casal provou que o amor não depende de memórias e muito menos de palavras.

Realizada por ver seus filhos e netos crescidos, Alice tem um desejo, sim apenas um só desejo. “O meu marido anda doente e locomove-se através de cadeira de rodas. Peço a Deus que ele consiga voltar a se levantar e possamos coxear juntos”. Enfim, desejo de quem ama. Alegria e satisfação é o sentimento dos filhos que esperam seguir o exemplo dos pais.

“É uma alegria, uma satisfação. Temos que agradecer a Deus pelo dom da vida. Como filhos só temos que agradecer pelos ensinamentos, pela orientação é uma escola a seguir. Digo muito obrigado pelo que fizeram por nós, temos uma gratidão que não acaba. Durante a nossa educação os nossos pais sempre disseram que temos que gerar filhos com uma direcção clara. Segundo eles não podemos gerar dependentes, mas pessoas que possam saber seguir em frente, que possam se valer”, disse Aniceto Dimas, filho do casal.

Esta é a história de um casal que celebra a vida, que celebra o amor e que sobretudo cumpre com a promessa de ser fiel, na pobreza e na riqueza, na saúde e na doença. Este é um exemplo de um amor verdadeiro….

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos