O País – A verdade como notícia

Bancos avançam com pagamentos à Bizfirst para acabar com apagão

Os bancos afectados pelo apagão, reuniram de emergência na cidade do Maputo, para analisar o estado da situação.

De acordo informações avançadas ao OPaís, por fontes seguras, a principal decisão tomada é o pagamento imediato dos valores reclamados pela BizFirst, de modo a restabelecer o sistema, já nesta quarta-feira.

Dados apresentados na segunda-feira pela Confederação das Associações Económicas de Moçambique (CTA) indicam que a rede SIMO registava diariamente 465 mil transacções no mercado nacional e 14 mil fora do país, movimentando 600 milhões de meticais.

Trata-se de valores que mostram o volume de perdas que a banca comercial regista como consequência do apagão que dura desde a passada sexta-feira, facto que terá determinado uma pressão e gerando uma perspectiva de insustentabilidade, caso a situação prevaleça por mais tempo.

Pela noite a dentro, o BCI anunciou, através de uma nota oficial o início gradual do uso dos cartões, a parir de amanhã.

“Estamos a envidar os esforços para repor gradualmente a normalidade no uso dos cartões BCI. Numa primeira fase, os titulares dos cartões de crédito BCI Gold (Particulares e Empresas), BCI Classic Empresas e BCI Platinum, bem como do cartão BCI Private, já podem usar os seus cartões, em ATM e POS da rede VISA, em Moçambique e no estrangeiro”.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos