O País – A verdade como notícia

Banc ABC vai expandir seus serviços para zonas rurais

Os agentes económicos passarão a representar o Banc ABC Moçambique. Com este serviço, a instituição financeira pretende levar os serviços bancários às populações, aumentando deste modo o índice de inclusão financeira. Para a materialização deste projecto, o Banc ABC terá o apoio da FDS Moçambique. A iniciativa foi, ontem, apresentada durante a assinatura de um acordo entre o banco e a FSD Moçambique, que formalizou a parceria entre estas duas instituições.  

O serviço, numa primeira fase, será implementado nas províncias de Maputo, Tete e Niassa. “Iremos seleccionar os agentes económicos que irão representar a marca ABC para providenciarem serviços básicos da banca tradicional. Os clientes poderão fazer levantamentos, depósitos consulta de extractos, recarregamento dos cartões de débito e pagamentos de serviços como energia, compra de recargas. O serviço entrará a funcionar primeiro nas zonas rurais das províncias de Niassa, Tete e Maputo”, explicou o administrador delegado, Orlando Chongo. 

O PCA do banco, Eduardo Mondlane Júnior, defende que este serviço vai educar financeiramente as pessoas e atraí-las para os sistemas financeiros formais. A FSD Moçambique acredita que com esta parceria as pessoas com baixos rendimentos serão incluídas no sistema financeiro. 

“Acreditamos na visão do Banc ABC, estamos aqui porque estamos interessados. Queremos que as pessoas pobres tenham acesso aos serviços financeiros. Esta iniciativa pode ser parte da solução para a geração de mais actividades económicas e que contribuam para o desenvolvimento do país”, disse Anne-Marie Chidzero, directora executiva do FSD Moçambique.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos