O País – A verdade como notícia

Assimi Goïta toma posse no Mali e garante “honrar compromissos”

O coronel Assimi Goïta tomou, hoje, posse como Presidente do Mali, durante um período de transição, onde deverá devolver o poder aos civis, após dois golpes de Estado condenados pelos principais parceiros do país.

“Juro perante Deus e o povo maliano preservar fielmente o regime republicano, preservar as conquistas democráticas, garantir a unidade nacional, a independência do país e a integridade do território nacional”, afirmou o empossado

Durante a tomada a posse, os parceiros internacionais do Mali exigiram garantias de que os militares entregarão o poder aos civis após a realização de eleições, prevista para Fevereiro de 2022”, escreve o Noticias ao Minuto

O líder maliano assegurou aos seus compatriotas e à comunidade internacional que o país que lidera vai honrar a todos com seus compromissos para bem-estar da Nação.

O Mali, foco central do ‘jihadismo’ na região do Sahel, foi cenário de dois golpes de Estado em nove meses por parte de Assimi Goïta e do seu grupo de coronéis.

No primeiro dos golpes militares, em 18 de gosto de 2020, derrubaram o então Presidente Ibrahim Boubacar Keita, enfraquecido por meses de protestos liderados pelo Movimento 5Jun/Reunião das Forças Patrióticas (M5/RFP), um grupo de opositores, membros do clero e elementos da sociedade civil.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos