O País – A verdade como notícia

Artistas capacitados em produção de guiões para cinema

Ao longo de duas semanas, a MultiChoice Moçambique capacitou 20 jovens nacionais em matérias de escrita de guiões para cinema. A formação em causa aconteceu no Instituto Nacional das Indústrias Culturais e Criativas, na Cidade de Maputo, e foi orientada pelo cineasta Licínio Azevedo.

De acordo com a organização, a iniciativa pretende munir os jovens com interesse em matérias de escrita de guiões ou em produção cinematográfica de conteúdos que possam ajudar no seu desenvolvimento individual, de modo que, brevemente, possam criar projectos ou iniciativas que ajudem o cinema nacional a evoluir até alcançar o nível de uma indústria que compete com qualidade.

A ideia da MultiChoice Moçambique é formar jovens que possam contribuir na criação e produção de conteúdos televisivos, de modo que os meios de comunicação possam ser cada vez mais atractivos, alcançando mais público consumidor, na luta pela promoção e divulgação da cultura moçambicana.

Nas sessões, participaram jovens provfenientes de diversos campos de saber, com destaque para actores, escritores e cineastas. Além do certificado de participação, os recém-formados tiveram a oportunidade de debater com Licínio Azevedo, que foi uma peça essencial na melhoria das histórias que os 20 jovens pretendem contar nos seus filmes do futuro. Para o cineasta, foi um bom trabalho que fizemos, alguns desenvolveram guiões bem detalhados que chegaram a 50 páginas, já com todas as cenas. Senti uma evolução muito grande dos participantes e do seu interesse nesta matéria. Há pessoas que se conheceram aqui e já estão a trabalhar juntas nos seus projectos. O que deve ficar é que guião é um trabalho colectivo, principalmente numa longa-metragem”.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos