O País – A verdade como notícia

Arcebispo Desmond Tutu terá funeral de Estado

Foto: BBC

O Arcebispo Emérito sul-africano, Desmond Tutu, cujas cerimónias do último adeus estão marcadas para sábado (01 de Janeiro de 2022), terá um funeral de Estado, na Catedral Anglicana de São Jorge, na Cidade do Cabo, anunciou a Presidência sul-africana.

Os restos mortais do primeiro bispo anglicano negro de Joanesburgo e mais tarde arcebispo da Cidade do Cabo, reconciliador e defensor da justiça social serão cremados no dia 01 de Janeiro e as suas cinzas depositadas na Catedral de São Jorge, à qual serviu durante longos anos.

Para essa cerimónia, o Governo da África do Sul, está a organizar um funeral de Estado de primeira categoria, em reconhecimento à vida distinta do falecido Arcebispo Emérito e à contribuição inestimável para a Nação.

De acordo com uma nota publicada no sítio da Presidência da República da África do Sul, um funeral de Estado de primeira categoria inclui elementos cerimoniais da Força de Defesa Nacional.

A cerimónia deverá, entre outras características, respeitar os desejos do falecido arcebispo e a bandeira nacional será hasteada a meia-haste em todo o país e nas missões diplomáticas sul-africanas no mundo, desde 28 de Dezembro até à noite do funeral.

Desmond Tutu desempenhou muitos papéis ao longo da sua vida e tornou-se famoso nos anos 80 por causa do seu empenho na luta contra o regime do Apartheid.

Tutu, um teólogo venerado mundialmente, activista anti-apartheid e vencedor do Prémio Nobel da Paz, em 1984, faleceu a 26 de Dezembro.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos