O País – A verdade como notícia

Amélia Nakhare detecta irregularidades no terminal de combustíveis da Matola

A Presidente da Autoridade Tributária, Amélia Nakhare visitou na manhã desta quinta-feira, a terminal de combustíveis da Matola. No local, Nakhare detectou irregularidades no processo de marcação de combustíveis da Petromoc.

 “Uma das constatações que fizemos na visita, é que existe diferença entre aquilo que vem confirmado pelas alfândegas, e aquilo que vem efectivamente indicado na factura, o que significa que, há diferença entre aquilo que está sendo facturado e aquilo que está sendo marcado”, questionou Nakhare.

Entretanto, a Petromoc, maior distribuidora de combustíveis do país, desvaloriza as irregularidades e diz que as mesmas não trazem constrangimentos ao processo.

 “O que tem estado a acontecer, é que as alfândegas fazem um registo antes do carregamento, e no acto do carregamento as quantidades que passam para os camiões não são taxativamente as mesma, são diferenças que não comprometem de certo modo aquilo, que é o processo de venda de combustível”, acrescentou Vicente Fringe, Director de Logística e Operações da Petromoc.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos