O País – A verdade como notícia

Aluno do Xiquitsi Estevão Chissano estreia primeira oração na temporada deste ano

Foi durante a conferência de impressa de hoje que instrumentistas e coristas interpretaram o clássico “Aleluia” de Handel, deixando maravilhado um modesto público no Teatro Avenida, em Maputo. A breve apresentação era um aperitivo para o lançamento da primeira série 2017 da Temporada de Música Clássica de Maputo.

Mas não foi somente a pitada de “Aleluia” que entusiasmou jornalistas e parceiros do projecto Xiquitsi. A plateia ficou extremamente empolgada ao saber da boa nova. Estevão Chissano – jovem compositor e aluno do Xiquitsi – vai estrear a sua primeira oração, durante está série. “Chissano estudou composição durante dois anos e para nossa surpresa ele conseguiu compor 30 minutos de música clássica. Algo raro para um iniciante.” Revelou, com satisfação, Kika Materula, Directora-Artística do Xiquitsi.

Indagado sobre as suas pretensões com a composição, Chissano deixou bem claro que: “gostava de ver as pessoas a entrarem na sala e esquecerem os problemas, ao ouvir música clássica. E, quando saíssem tivessem certeza de que tudo vai-se revolver.”

Para está temporada, o projecto convidou três grupos corais, nomeadamente: Juvenil Maria Rivier, Santa Cecília e Sociedade Presbiteriana dos Jovens do Khovo. Além destas vozes, o evento será agraciado pela belíssima voz de Xixel Langa. Esta é a primeira vez que a Temporada de Música Clássica de Maputo vai incorporar a voz nas apresentações.

Contrariando as edições anteriores, a Temporada contará com mais artistas nacionais em palco. E, este ano, o projecto Xiquitsi vai homenagear a cidade das acácias pelos seus 130 anos. Deste modo, passaram pelos palcos da cidade de Maputo cerca de 30 músicos, durante cinco dias.

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos