O País – A verdade como notícia

Água turva da rede pública preocupa moradores

Vários clientes abastecidos pela empresa pública Águas da Região de Maputo já se fartaram de ver água turva a jorrar das torneiras.

Dona Esperança vive no bairro da Zona Verde, no município da Matola. Há dias que da sua torneira jorra água com uma cor estranha, o que a fez deixar de usar para beber, cozinhar e até lavar peças brancas de roupa. E este é um sentimento partilhado por tantos outros moradores daquele bairro, como Glória Chilengue, dona de casa

Não se sabe ao certo se há uma ligação entre entre uma e outra coisa, mas a verdade é que no Centro de Saúde de Ndlavela, que assiste os bairros da Zona Verde, Dlavela e Infulene D, há registo de casos de diarreia. Para apurar a informação, ouvimos Augusta Correia – Técnica de Medicina afecta naquele Centro de Saúde.

Apesar da cor estranha, a Águas da Região de Maputo diz que não é necessariamente turva, mas sim tem problema de corolação.  A empresa garante que a mesma oferece condições para o consumo humano, conforme fez saber Gildo Timóteo – Águas da Região de Maputo.

A Associação de Defesa de Consumidor, representado por Mouzinho Nicols, diz que o Ministério da Saúde deve se pronunciar, tratando-se de algo que mexe com a saúde pública.

 

 

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos