O País – A verdade como notícia

Agentes económicos de Ancuabe queixam-se de exclusão nos grandes negócios

A exploração de grafite de Ancuabe, em Cabo Delgado, ainda não está a beneficiar os pequenos empresários do distrito que esperavam fazer grandes negócios que surgiram com a exploração de recurso minerais.

A exploração de grafite de Ancuabe, começou em 2017, mas até hoje, os pequenos empresários instalados no distrito, ainda não tiveram oportunidade de negócio, tanto com a mineradora, assim como as grandes empresas.

O Conselho empresarial de Cabo Delgado, que representa a Confederação das Associações Económicas de Moçambique, confirma a exclusão dos agentes económicos locais, das oportunidades de negócios, mas não atira culpa a mineradora e as grandes empresas envolvidas na exploração de grafite de Ancuabe.

Para ajudar na solução dos problemas que afectam a economia de Ancuabe, o Conselho empresarial de Cabo Delgado, instalou a sua representação no distrito,, Delegação Empresarial Distrital (DED), que vai encarregar-se na união e defesa dos interesses dos agentes económicos e pequenos empresários.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos