O País – A verdade como notícia

África livre da Poliomielite

A Organização Mundial da Saúde declarou, esta terça-feira, a erradicação da poliomielite em África. A doença não é registada no continente há quatro anos.

Enquanto por um lado o mundo chora pelo luto e dor que têm sido causados pelo Coronavírus, por outro boas notícias chegam no tocante à saúde pública global. A Organização Mundial da Saúde declarou, oficialmente, esta terça-feira, a erradicação da poliomielite no continente africano.

A poliomielite, causada pelo chamado “poliovírus selvagem” é uma doença infecciosa aguda e contagiosa que afecta, principalmente, crianças, atacando a medula espinhal e provocando uma paralisia irreversível. A doença fustigou, severamente, o chamado berço da humanidade, mesmo após a vacina de 1950. Mas hoje, o continente não mais tem a doença.

Em videoconferência no qual participou o director-geral da OMS, Teodros Adananon, o multimilionário e filantropo Bill Gates, bem como representantes de diversos países africanos, foi reafirmada a necessidade da união de todos os países do mundo para que, igualmente, a COVID-19 seja vencida.

Refira-se que Moçambique registou o último caso de poliomielite em 1993 e em 2016 o país já se declarava livre da doença.

Actualmente, apenas dois países do mundo registam contágios de “poliovírus selvagem”: o Afeganistão, com 29 casos em 2020, e Paquistão, com 58 casos.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos