O País – A verdade como notícia

África do Sul vai limitar emissão de gases poluentes

A África do Sul comprometeu-se, ontem, com metas mais ambiciosas sobre as emissões de gases poluentes. Uma medida que visa ajudar na manutenção do aquecimento global sustentável.

A África do Sul informou o departamento do clima das Nações Unidas que vai limitar a emissão de gases de efeito de estufa a 150 milhões de toneladas métricas de dióxido de carbono até 2025 e ao máximo de 420 milhões de toneladas até 2030.

Segundo o vice-presidente para o clima e economia no centro de pesquisa World Resources Institute, as novas metas estão mais em linha com o objetivo global de limitar o aumento da temperatura em 1,5 graus até final do século, em comparação com o nível pré-industrial.

O novo objetivo representa um teto significativamente mais baixo quando comparado com o objetivo anterior. O limite inferior do objetivo também foi mudado, de 398 milhões de toneladas de dióxido de carbono até 2030 para 350 milhões de toneladas.

O país mais industrializado em África pretende aumentar o uso de energias renováveis e desvanecer a utilização de energia baseada no carvão, ao mesmo tempo que se prepara melhor para os efeitos das alterações climáticas, como a seca.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos