O País – A verdade como notícia

Acusada de corrupção, vice-presidente do Equador renuncia

A vice-presidente do Equador, María Alejandra Vicuña, renunciou nesta terça-feira (4/11) após forte pressão em razão de denúncias de corrupção relacionadas à cobrança ilegal de doações de um ex-assessor, quando era deputada entre 2011 e 2013.

Na sua conta do Twitter, María Alejandra afirmou que não permitirá que as "presunções" contra ela sejam utilizadas para criar um "ambiente de instabilidade" no governo ou rumores que envolvem até a possibilidade de renúncia do próprio presidente, Lenín Moreno.

O anúncio da renúncia foi feito um dia depois de Moreno a afastar temporariamente das funções como vice-presidente para se defender na Justiça das acusação e após ela negar taxativamente que deixaria o posto.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos