O País – A verdade como notícia

80 milhões de crianças em risco de perder acesso a vacinas de imunização

Cerca de 80 milhões de crianças estão em risco de perder acesso a vacinas de imunização, devido ao combate fortemente focalizado à COVID-19. O alerta é da OMS que pede aos governos que não se esqueçam da saúde das crianças.

 

Se o mundo continuar simplesmente focado no desenvolvimento da vacina contra COVID-19, poderá haver riscos de milhões de crianças não receber vacinas de imunização que já existem, avisou o chefe da OMS, Tedros Adhanom, numa conferência virtual com a directora-executiva da UNICEF.

O chefe de emergências da OMS, Michael Ryan, disse em uma entrevista colectiva virtual em Genebra que o baixo número de mortes foi "realmente bem-vindo, e é um crédito para os sistemas e países que eles estão a rastrear casos e a lidar bem com assunto".

O epidemiologista irlandês disse que o quadro era variado em toda a África, com alguns países registrando um grande aumento nos casos e outros relativamente estáveis.

Ryan disse que, na última semana, nove países tiveram um aumento de pelo menos 50% nos casos; quatro tiveram um aumento de mais de 100%.

Em Junho realiza-se a Cimeira Vacina Global, no qual espera-se que os líderes mundiais mantenha o compromisso de financiar GAVI Alliance, uma parceria de entidades públicas e privadas com o objectivo de salvar vidas de crianças e a proteger a saúde da população humana.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos