O País – A verdade como notícia

62 novas infecções por Coronavírus no país

É o novo record em 24 horas. Moçambique registou 62 novas infecções por Coronavírus. Nas últimas 24 horas, o país testou 913 casos suspeitos, dos quais 851 revelaram-se negativos e 62 positivos. Assim, Moçambique soma 1219 casos cumulativos, dos quais 1119 de transmissão local e 100 importados.

 

Até hoje, em Moçambique foram testados, cumulativamente, 40.861 casos suspeitos, dos quais 913 nas últimas 24 horas. Destes, 651 foram testados em laboratórios do sector público e 262 em laboratórios do sector privado.

Das amostras testadas nas últimas 24h, 36 provêm da Província de Niassa, 43 de Cabo Delgado, 22 da Zambézia, 10 de Tete, 93 de Sofala, 5 de Inhambane, 77 de Gaza, 185 da Província de Maputo e 180 da Cidade de Maputo. Das amostras testadas em laboratórios do sector privado, 162 provêm da Província de Cabo Delgado e 100 da Cidade de Maputo.

Os casos novos hoje reportados incluem 60 indivíduos de nacionalidade moçambicana e dois indivíduos estrangeiros (1 de nacionalidade ruandesa e 1 de nacionalidade sul africana).

Moçambique continua com um cumulativo de 27 indivíduos internados devido a COVID-19. Destes, 5 continuam sob cuidados hospitalares. Os mesmos padecem de patologias crónicas diversas, associadas a COVID-19.

“Queremos informar que registamos mais cinco (05) casos totalmente recuperados da COVID-19; três (03) na Província de Niassa, um (01) na Província de Cabo Delgado, um (01) na Província de Nampula. Trata-se de indivíduos de nacionalidade moçambicana que cumpriram com isolamento domiciliar durante o período da doença”, disse Rosa Marlene, Directora de Saúde Pública. Assim, Moçambique conta actualmente com 369 pacientes totalmente recuperados, nove óbitos devido a COVID-19 e dois óbitos por outras causas.

 

África do Sul entre os 10 países do mundo com maior número de casos de COVID-19

Em apenas uma semana, África do Sul saiu da posição 16 em relação aos países com mais casos da COVID-19 e agora está entre os 10 países com números mais elevados.

Já o nosso país, Moçambique, não teve nenhuma mudança de posição comparativamente aos países do continente. Ocupa a segunda posição com menor número de mortos, superando apenas a Namíbia.

Sobre as infecções, Moçambique ocupa a terceira posição com números baixos, depois de Tanzânia e Angola.

Enquanto isso, se o mundo, até a última semana epidemiológica precisava de seis dias para registar mais de um milhão de casos da COVID-19, agora em menos de cinco dias já regista este número.

Partilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

RELACIONADAS

+ LIDAS

Siga nos